11ª FELIS 2017 » NOTÍCIAS » 09/11/2016 - Diversidade cultural marca Feira do Livro de São Luís
09/11/2016 - Diversidade cultural marca Feira do Livro de São Luís

09/11/2016

Diversidade cultural marca Feira do Livro de São Luís

 

Com programação para todas as idades e diferentes segmentos culturais, a Feira do Livro de São Luís (FeliS) disponibilizou ao público nesta terça-feira (8) uma programação que contemplou cinco palestrantes nacionais, intervenções artísticas, exibições de filmes, atividades infantis e exposições voltadas para o tema da leitura. O jornalista e escritor Eduardo Bueno, fez a conferência no palco principal para centenas de pessoas.

"É a primeira vez que participo da Feira do Livro de São Luís, mas já era encantado pela cidade. Antes de vir até aqui, li muito e viajei pela cidade através dos escritos sobre a capital maranhense. Hoje quero partilhar minhas experiências de viagens assim, através dos livros, minhas impressões sobre a cidade e as ligações de São Luís com a história. Quando conhecemos o local onde habitamos, conseguimos promover a mudança deste lugar", destacou o palestrante.

Antes da conferência, a Praça Nauro Machado foi palco de uma programação voltada para o público infantil, com intervenções durante todo o dia. Uma delas foi o Bolsão de Livros no qual as publicações estão em árvores da Praça. Nelas estão sendo feitos o "troca-troca" de livros, a pessoa pode deixar um e levar outro para casa.

O Pé-de-Livro, no "coração da Feira" recebeu o escritor Ferréz para um bate-papo sobre a juventude de periferia. "A sociedade está com cérebro enferrujado, as pessoas reclamam constantemente que a cabeça dói quando leem alguma coisa que não compreendem. Meu pai, Raimundo, mal sabia ler, lia com dificuldade, mas comprava cordéis e eu vivi com isso dentro da minha realidade. Uma das maiores alegrias para um escritor é quando o leitor se identifica com sua obra e eu escrevo o que vivo", contou o romancista, contista, poeta e empreendedor Ferréz.

ESCRITORES

Também estiveram presentes no segundo dia de 10ª FeliS os escritores Celso Antunes, Weberson Grizoste e Luciano Pontes. O primeiro facilitou a palestra "Relações Interpessoais e autoestima: a sala de aula como espaço de crescimento integral", no auditório da Associação Comercial do Maranhão. Grizoste participou de bate-papo literário com o tema "Gonçalves Dias: as várias faces do poeta maior", no Café Literário, contando com a participação dos professores Dino Cavalcante, José Neres e a pesquisadora Renata Ribeiro.

Já Luciano Pontes ministrou a oficina "Brincar de Contar e Contar de Brincar" na Escola de Cinema – Unidade Vocacional Praia Grande. "Tenho um trabalho mais voltado ao público infantil, mas gosto de entender a infância como um todo, onde adultos também podem estar nesta fase da vida e, por isso, a oficina foi voltada para eles para que se encontrem como crianças".

A programação do Cine FeliS exibiu "O Beijo da Mulher Aranha" (1985), de Hector Babenco e documentários que revelam a história de grandes artistas maranhenses das artes visuais, são eles: Marlene Barros, Ciro Falcão e Marçal Athayde, com direção de Beto Matuck e Joaquim Haickel.

Teve ainda sessão Panorama Cinema Maranhense, com filmes de cineastas do Maranhão, de várias gerações, que participaram do Festival Guarnicê de Cinema nestes 40 anos, exibindo "Marisa vai ao cinema", de Murilo Santos, "Periquito sujo", de Luís Carlos Cintra e Euclides Moreira, "Rosas", de Ione Coelho e "Anunciada", de Rita Miranda.

10º FeliS

A 10ª Feira do Livro de São Luís (FeliS) este ano homenageia o poeta maranhense Gonçalves Dias. Com o tema "Ler a Cidade e suas Memórias", o maior evento literário do Maranhão vai até o dia 13 de novembro, na Praia Grande. A FeliS ficará aberta das 13h às 22h todos os dias com programações voltadas para todas as idades. O evento é realizado pela Prefeitura de São Luís e tem, como correalizadores, o Serviço Social do Comércio (Sesc) e a Associação dos Livreiros do Maranhão (Alem).

A programação completa está disponível no Portal da Prefeitura (www.saoluis.ma.gov.br) e no site da Feira do Livro de São Luís (www.feiradolivrodesaoluis.com.br).